13 de setembro de 2011

Me contentando em pensar que o tempo cura tudo!


Acho que perdi a cabeça. Como eu posso pensar em você? Como eu posso querer você? Você tem noção da confusão em que eu entrei? Por você eu entrei no fogo. Por você eu quebrei todas as minhas regras. Por você eu atravessei meus limites. Será que esse caminho ainda tem volta? 
Venho me mantendo quieta, ocupando a cabeça... para esquecer de tudo... seu halito, seu cheiro, seu gosto. Mas quando eu fecho os olhos você continua lá.


"Mas é apenas um momento de carência. Não tenho a menor intenção de sentir a sua ausência para sempre". LM

5 Neurônios comentaram.:

Poly_andra disse...

"é apenas um momento de carência" até porque nada é eterno né?

saudades de vcs moças ;)

Gabriela Castro disse...

Tudo a ver com o meu momento. Saudades, Flavih! Beijos

Dayne Dantas disse...

Forte.
Eu tb já me senti assim.

Keel disse...

Saudades do Notta :/

Cadinho RoCo disse...

Tudo acontece ao seu tempo. Quando menos esperar, eis que surge o que procura, ou o tal do desprendimento daquilo que já é passado.
Cadinho RoCo